25 situações que só quem é de família italiana vai entender

Maserati terá um estande só para ela
Salão do automóvel terá Ferrari, Maserati e Lamborghini
29 de outubro de 2016
Novo tremor atinge centro da Itália, deixa feridos e derruba imóveis históricos
30 de outubro de 2016
Família italiana

Pestana, brachola, muito magrinho, caponata de beringela… Você é mesmo italiano.

1. Você nasceu gritando e vai continuar o resto da sua vida, afinal em uma família italiana você é incapaz de usar um tom normal ao ouvido humano.

2. E assim como você aprende a falar com a boca, você aprende a falar com a mão.

3. Como se não bastasse falar alto e gesticular enlouquecidamente, todo mundo ri muito alto.

4. Além disso, você se acostumou com uma quantidade monstruosa de palavrões.

5. Mesmo tendo ficado confuso com o fato de que, as mesmas pessoas que tem a boca tão suja, sejam tão religiosas.

6. O que faz com que toda refeição seja acompanhada de uma oração.

7. E também depois de um discurso regado a vinho e cerveja.

8. E tudo isso em proporções continentais, tendo em vista que uma família italiana é sempre composta de 345 tios e 19.387.129.380 primos.

9. Você nem tenta mais identificar o que é briga, o que é conversa e o que é jogatina, porque tudo parece a mesma coisa.

10. Você entende completamente o significado de ficar “zureta com tanto falatório”.

11. Absolutamente TUDO é um grande drama e todo mundo se mete na vida de todo mundo.

12. E por mais italiana que ela seja, sempre vai ter alguma mistura em algum grau com Espanha, Líbano ou alguma outra nacionalidade, afinal estamos no Brasil.

13. O que faz que os dialetos próprios sejam criados e você nunca saiba de onde é o prato típico que está comendo.

14. Você já sofreu muito bullying porque chama o bife à rolê de “brachola”.

15. E apesar das massas e vinhos constantes, sempre tem um puchero ou uma feijoada em um dos encontros familiares.

16. Porém, não importa qual seja o prato principal, SEMPRE vai ser uma caponata de beringela com um pãozinho de entrada.

17. Se é de uma família mais antiga, você não tem avô e avó — você tem nono e nona.

18. E a nona NUNCA senta para comer, na verdade você não entende como ela consegue ficar em pé por tanto tempo.

19. Não importa o seu peso, você sempre vai estar “muito magrinho” para ela.

20. E independente da sua idade, provavelmente vai ter alguém te apertando alguma parte do seu corpo, em especial as bochechas.

21. E se é menino, vai sempre levar um tapão nas costas quando for cumprimentar os tios.

22. Tudo QUASE termina com um cafezinho.

23. Mas é só quase porque tem a pestaninha depois do café.

24. Pestaninha essa que permite que você esteja pronto para comer mais depois.

25. E tudo isso ignorando completamente “os plural tudo”, como um bom italiano.

Por Iran Giusti e Rafael Capanema/BuzzFeed